INICIAL / NOTÍCIAS
NOTÍCIAS
Sessão 18 de setembro de 2017 - Especial

Pequeno e Grande Expediente

PEQUENO EXPEDIENTE:

 

MARCO ANTÔNIO LARGER (PP) – O vereador disse que a sessão do dia será especial, pois a casa legislativa estará homenageando a menina Emanuely Barbosa, campeã estadual de tiro de laço e vice-campeã nacional da modalidade. Solicitou o envio de ofício ao prefeito Paulo Butzge, para que ele determine ao setor competente a emissão de notificação, com prazo de 180 dias, para os proprietários que não mantém suas calçadas em boas condições de trafegabilidade, consertá-las. Comentou que recebeu diversas reclamações sobre as condições das calçadas da cidade, citou que o art. 66 da Lei Municipal de Edificações dispõe que o proprietário de imóvel é compelido a pavimentar com material antiderrapante e manter em bom estado de conservação a calçada do seu imóvel. Citou que próximo à agência do INSS tem uma calçada com pedras soltas, o que dificulta o acesso de cadeirantes e portadores de deficiência física. Larger disse que recebeu a resposta ao ofício nº 527/2017, oriundo da secretaria de Saúde, no qual a secretária diz que não pode fornecer a listagem solicitada pelo vereador, haja vista disposição contida do código de ética da medicina. Larger disse que tais dados não seriam divulgados, não ferindo o código de ética da medicina. Dessa forma, Larger solicitou o encaminhamento de ofício ao promotor Martin Albino Jora, para que este fique ciente dos fatos que estão ocorrendo no município, mormente quanto ao furo de fila nas consultas médicas do SUS.

 

GRANDE EXPEDIENTE:

 

A sessão especial homenageou a pequena Emanuely Barbosa, campeã estadual e vice-campeã nacional na modalidade tiro de laço. A presidente do legislativo, Cristina Rohde (PSDB), pediu para que a proponente da sessão, vereadora Lurdes Ellwanger (PTB) conduzisse a homenageada ao plenário.


 

LURDES ELLWANGER (PTB) – A proponente da sessão especial falou do apoio que a pequena laçadora recebe da sua família, lamentando que o pai Diego Barbosa e a irmã Isabely Barbosa não puderam comparecer à sessão. Lurdes ressaltou a importância da tradição que Emanuely Barbosa carrega consigo desde pequena, já que possui apenas 7 anos, e já angariou prêmios de extrema relevância no tiro de laço. Pediu que Emanuely leve para o resto da vida as tradições gaúchas e que não abandone o laço e a vaca parada. Pediu para que a família, na simplicidade que vive, continue a apoiar a pequena laçadora para ela possa divulgar cada vez mais a nossa tradição e o nosso município. Em nome da bancada do PTB, a vereadora disse que esta é a homenagem mais bela já feita pelo poder legislativo e pediu para que a homenageada se orgulhe de ser campeã estadual e vice-campeã nacional da modalidade de tiro de laço. Ao finalizar, desejou que Deus continue abençoando o braço forte e o laço estendido de Emanuely Barbosa.


 

CRISTIANO BECKER (PMDB) – Lembrou que quando a proposição foi aprovada, logo pensou o que iria dizer para uma menina de 7 anos de idade, pois nunca havia participado de uma sessão em homenagem a uma pessoa tão jovem. Salientou que o momento da realização da sessão foi muito bem escolhido, já que se encaixa dentro da semana de comemoração da tradição gaúcha, a semana farroupilha, festejada anualmente em todo Estado e motivo de orgulho para todos os gaúchos. Salientou que está cada vez mais difícil fazer com que as crianças e os jovens se interessem pela tradição gaúcha. Parabenizou os pais da homenageada pelo incentivo dedicado à pequena. Becker lembrou que nos dias de hoje é muito difícil fazer com que os filhos tenham pensamentos para o que é bom, pois sabe-se que a vida fora do nosso lar é difícil e dura. Disse que por meio do tradicionalismo os pais podem ter o alento de que os filhos estão bem encaminhados, já que nos CTG’s ainda se vê imperar o respeito e a educação. Por fim, Becker desejou que Emanuely Barbosa continue crescendo na modalidade do tiro de laço e trazendo mais conquistas para encher os candelarienses de orgulho. Que hoje ela recebe essa homenagem com apenas 7 anos, mas que daqui uns tempos pode receber com 14...15 anos, e assim por diante.


RUI BEISE (PDT) – Recordou que no início do ano teve a oportunidade de saudar o CTG Sentinela dos Pampas, quando acontecia o Fecards 2017, na cidade de Rolante – RS, onde o Diego Barbosa e o Yuri da Rosa se destacaram entre os 30 melhores laçadores do Estado. Lembrou que na época, a vereadora Lurdes Ellwanger lhe dizia que a pequena Emanuely Barbosa havia conquistado o título estadual na modalidade tiro de laço (vaca parada). Narrou ter ficado feliz ao ler na imprensa regional que as crianças estão participando das atividades realizadas nos CTG’s, grupos de invernada pré-mirim, mirim e juvenil fazendo belíssimas apresentações. Parabenizou o CTG por apoiar a homenageada. Cumprimentou os familiares de Emanuely e finalizou recitando parte do poema Prenda Mirim de João Freitas “Nasci de um ventre sagrado, da mãe que me deu a luz, com licença de Jesus, o mesmo me deu noção, e também a permissão, de eu fazer o que quiser, em defesa da mulher, com a pura educação”.


CELSO GEHRES (PP) – Saudou a prendinha Emanuely e seus familiares. Parabenizou a colega Lurdes Ellwanger (PTB) por ter proposto a bela homenagem. Lamentou o fato de o nosso país estar enfrentando uma grave crise de ordem social e moral, referindo que precisamos pensar duas vezes antes de pronunciarmos a frase “tenho orgulho de ser brasileiro”. Mas como ensina o ditado, quem é brasileiro não desiste nunca e deve manter a esperança. Celso Gehres referiu que esperança é o que ele vislumbra dos braços da pequena prenda Emanuely, que tem um brilhante futuro pela frente. Destacou a importância da homenagem e ressaltando a felicidade dos pais que conseguem manter a tradição no coração dos seus filhos, pois com a inversão de valores que temos atualmente, é muito honroso ter uma filha como a Emanuely. Citou que o amor da Emanuely pela tradição e pelo tiro de laço vem de berço, já que nasceu e foi criada em meio a isso, já que sua família é muito dedicada à tradição. Ressaltou que todos os candelarienses se orgulham de ter uma menina tão jovem e tão talentosa representando o município. Em nome do Partido Progressista, desejou que a pequena siga com sua carreira no tiro de laço e que a homenagem e os títulos conquistados sirvam de estímulo para continuar a trilhar uma jornada que será de muito sucesso, enchendo de orgulho o seu CTG, a sua família e o município de Candelária.


CRISTINA ROHDE (PSDB) – A vereadora também elogiou a colega Lurdes Ellwanger (PTB) por ter realizado a proposição em homenagem a Emanuely. Cristina desejou que Emanuely sempre carregue consigo a importância de tal homenagem e dos títulos por ela conquistados, que são motivo de orgulho para todos os candelarienses. Parabenizou Alexandra e Abel Bini por terem lutado pelo nosso CTG e por terem dedicado apoio à pequena Emanuely. Cristina ressaltou ainda, que é muito bonito ver que todos gaúchos se orgulham da sua terra e do seu tradicionalismo, salientando que é gratificante ver o CTG lotado nas comemorações da semana farroupilha. Dedicou seus cumprimentos especiais à homenageada, parabenizando-a pelos títulos conquistados e pela sua coragem. Disse que a menina é exemplo para a sua família e para toda comunidade candelariense, ressaltando que os títulos já conquistados são só o começo dos inúmeros que virão com o decorrer dos anos. Parabenizou os pais da homenageada, Caroline Santos e Diego Barbosa, por cultivarem as tradições gaúchas e por repassarem a nossa tradição para suas filhas. Felicitou o CTG Sentinela dos Pampas por acreditar no potencial da pequena jovem e lhe prestar o devido apoio. Ao encerrar, leu o pensamento de Albert Einstein: “Além das aptidões e qualidades herdadas, é a tradição que faz de nós aquilo que somos”.


JAIRA DIEHL (PSB) – Salientou que os laços se renovam e a cultura gaúcha está sendo enaltecida. Fez das suas palavras as dos demais líderes das bancadas que tão bem se expressaram para parabenizar a homenageada. Ressaltou a doçura de Emanuely, parabenizou o Abel e a Alexandra Bini que tanto apoiam a causa tradicionalista, ressaltando que o CTG Sentinela dos Pampas só está em ascensão devido a eles, que sempre lutaram para que o tradicionalismo não se apague em nosso município. Também felicitou a proponente da homenagem, Lurdes Ellwanger (PTB) pela iniciativa. Em nome da bancada do PSB, parabenizou a pequena Emanuely, vice-campeã nacional na modalidade tiro de laço, salientando que pelo seu brilho e dedicação, tal conquista teve peso de ouro. Jaira refletiu que quando Emanuely for moça, e os desafios baterem à sua porta, que ela lace todos eles, pois tem potencial para tanto. Que a pequena nunca esqueça que com apenas 7 anos, foi homenageada por 30 mil habitantes, mérito que não cabe para qualquer um.


PAULO BUTZGE (PREFEITO MUNICIPAL) – Iniciou seu pronunciamento enaltecendo a proposição da vereadora Lurdes Ellwanger (PTB) que homenageia a pequena Emanuely Barbosa, menina que carrega no seu coração o amor pelo Rio Grande do Sul e que tem sua trajetória marcada por grandes desafios que estão ali para serem superados e vencidos. Disse que Emanuely é uma grande vencedora e que carrega consigo o nome de Candelária por onde passa, engrandecendo e orgulhando a todos, e que com certeza, trará inúmeras alegrias para a sua família e para a comunidade candelariense. O chefe do poder executivo disse que quando a idade chegar, Emanuely irá recordar desta data tão importante, quando era tão pequena e recebia uma homenagem tão grande, que irá encher de orgulho o seu coração e servirá como grande fomento para que busque conquistas maiores. Paulo Butzge ressaltou que a pequena não deve desistir, pois este é apenas o início de uma caminhada e que o futuro que lhe aguarda é promissor. Salientou que estas são palavras dedicadas com o coração e representam a totalidade do povo candelariense, que está orgulhoso de vê-la figurar no topo do município, do Estado e do País. O prefeito Paulo Butzge reforçou que o tiro de laço é apenas uma das modalidades das tantas outras que a menina irá participar e com certeza, obter destaque. Em nome do poder executivo municipal, disse que nutre imenso orgulho, carinho e satisfação por poder estar prestando essa homenagem à pequena Emanuely que desde já deixa seu nome gravado no livro da história de Candelária. Ao finalizar, parabenizou a homenageada e disse que a vida é feita de desafios e que muitos problemas aparecerão, mas que ela já provou que sabe superá-los.  Parabenizou a menina e os vereadores que aprovaram a proposição. Desejou sucesso, alegria e que Emanuely continue carregando com seu jeitinho meigo o nome de Candelária por onde passar.


CAROLINE SANTOS (MÃE DA HOMENAGEADA EMANUELY) – A mãe da homenageada contou um pouco da história da sua filha. Narrou que no ano de 2008 sua família veio morar em Candelária, sendo que a Emanuely nasceu em 1º de junho de 2010. Sua inspiração para com o tiro de laço iniciou cedo, já que seu pai é um grande laçador, tendo iniciado na modalidade quando tinha apenas 6 anos, angariando diversos títulos estaduais e nacionais na modalidade de tiro de laço. A pequena Emanuely começou a laçar com apenas 3 anos de idade, onde pegou gosto pela modalidade tiro de laço (vaca parada) obtendo cinco títulos municipais, um título estadual e o vice-campeonato brasileiro. Caroline Santos disse que a família é composta por laçadores e que desde pequenas suas filhas participam de rodeios. Como mãe, disse que fica na expectativa, torcendo pela filha, tentando disfarçar seus medos e angústias. Agradeceu o CTG Sentinela dos Pampas que acolheu sua família para que pudessem representar Candelária e o CTG nas competições dos rodeios. Ao finalizar, disse que a Emanuely e sua família agradecem a todos vereadores e a proponente Lurdes Ellwanger (PTB) pela bela homenagem prestada.


>> A próxima sessão especial acontece no dia 25 de setembro e homenageará o atleta paraolímpico Maurício Scota.

+ Notícias
FALE CONOSCO

Rua Frederico Gewehr, 1000 Bairro Centro
Candelária/RS CEP 96930-000

contato@camaracandelaria.com.br

51 3743-1176

HORÁRIOS DE ATENDIMENTO

Segunda a sexta Horário de expediente
8h30min às 11h30min - 13h30min às 17h

SESSÕES Segunda-feira: 19h